segunda-feira, 14 de agosto de 2017

'PERDI HOJE UM PARCEIRO DE UMA VIDA', DIZ DILMA SOBRE A MORTE DO EX-MARIDO

Postagem foi feita em seu blog, no dia seguinte a morte de Carlos Araújo, em Porto Alegre.
Foto: Reprodução/RBS TV
A ex-presidente Dilma Rousseff postou em seu blog, na manhã deste domingo (13), um texto em homenagem ao ex-marido Carlos Araújo, que morreu na madrugada de sábado (12) em Porto Alegre em virtude de complicações de doença pulmonar crônica.
Intitulado 'A Perda de um Companheiro", o texto chama Araújo, com quem Dilma foi casada por mais de 20 anos, de "um bravo lutador" contra a ditadura militar e pela reconstrução do trabalhismo no Brasil.
Os dois se conheceram em 1969, período no qual estavam envolvidos com grupos que lutavam contra o regime militar. Casaram logo depois e tiveram uma filha em 1976, Ana Paula. "Perdi hoje um parceiro de uma vida", escreveu a ex-presidente.
No período em que foi presidente, Dilma sempre manteve o contato com Araújo, que era apontado como seu conselheiro pessoal. "Em qualquer circunstância, sempre pude contar com ele, com sua inteligência, com sua capacidade e com sua força. Vai fazer falta aos nossos netos, fará falta à nossa filha, fará falta a todos que o amam e que o amaram, e fará muita falta a mim", disse.
O corpo do ex-deputado e ativista Carlos Araújo foi velado na tarde de sábado na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, no Centro da capital gaúcha.
Entre familiares e amigos do político, participou da solenidade a ex-presidente Dilma Rousseff, com quem Araújo foi casado por mais de 20 anos.
O velório teve início às 15h, e se estendeu até as 21h, quando o corpo seria levado para uma cerimônia de cremação reservada à família.
Araújo tinha 79 anos de idade. Ele estava internado desde o dia 25 de julho no Hospital São Francisco, da Santa Casa de Misericórdia. A informação sobre a morte de Araújo foi divulgada no início da manhã de sábado. Conforme nota divulgada pelo médico responsável pelo tratamento de Araújo, a morte ocorreu em decorrência de complicações de doença pulmonar obstrutiva crônica, complicada por quadro cardíaco, que evoluiu para um quadro de infecção generalizada.

Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário