quinta-feira, 28 de fevereiro de 2019

ÔNIBUS COM DELEGAÇÃO DO SÃO RAIMUNDO COLIDE COM TRATOR APÓS JOGO EM MARABÁ

(Foto: Reprodução)

O ônibus que levava a delegação do time São Raimundo colidiu com um trator, na madrugada desta quinta-feira (28), na rodovia PA-150, estrada que liga o município de Marabá, sudeste paraense, à capital paraense, Belém. A delegação jogou na noite de ontem (27) contra o Águia, em Marabá.
De acordo com informações da assessoria do São Raimundo, chovia muito no momento do acidente, e o ônibus colidiu com um “trator de pequeno porte [que] veio de encontro com o ônibus que estava a delegação” por volta das 3h da madrugada. A frente do veículo ficou destruída com o impacto da batida. 
Ainda segundo a assessoria do clube santareno, não houve feridos no acidente.
Outro ônibus socorreu o time do São Raimundo e o levou até Belém.

Fonte: DOL

POLÍCIA DEFLAGRA OPERAÇÃO LA PLATA EM COMBATE AOS CRIMES DE AGIOTAGEM EM ALTAMIRA

Polícia deflagra operação La Plata em combate aos crimes de agiotagem, extorsão, ameaça, associação criminosamente, e prende quatro pessoas. 
Polícia explica como funcionava o esquema de agiotagem em Altamira.


Vejam no vídeo: 

Fonte: Xingu230

ALUNOS PROTESTAM E DENUNCIAM PÉSSIMAS CONDIÇÕES DAS ESTRADAS EM MEDICILÂNDIA

IMAGEM DA INTERNET
Alunos da escola Vitória Régia no km105 de Medicilândia foram obrigados a pedir socorro para chegar até a escola, isso porque os atoleiros na estrada impediram que o transporte escolar pudesse seguir viagem.
Nas imagens feitas por moradores da comunidade que socorreram os estudantes do ensino fundamental, é possível ver a situação, e a dificuldade para resgatar os alunos. 
Revoltados, os estudantes se recusaram a entrar em sala de aula, e exigiram obras emergenciais nas estradas vicinais. 

Por Renan Bezerra
Fonte: Xingu230

MINISTRO DO MEIO AMBIENTE DIZ TER SIDO ATACADO POR MST NA BAHIA

© Reprodução/Instagram Foto publicada pelo Ministro do Meio Ambiente,
Ricardo Salles, mostra carro com o vidro quebrado e bandeira
do Partido da Causa Operária (PCO) em cima, durante
visita ao Parque Nacional do Pau Brasil,
em Porto Seguro (BA)
BRASÍLIA - O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, esteve nesta quarta-feira, 27, no Palácio do Planalto para relatar momentos de tensão que viveu durante viagem ao Parque Nacional do Pau Brasil, em Porto Seguro, no Sul da Bahia. Em conversas com assessores e ministros, Salles contou que manifestantes do Movimento dos Sem-Terra (MST) e do Partido da Causa Operária (PCO) cercaram o carro em que ele estava, quebraram peças e subiram no teto do veículo. Ele não sofreu agressões físicas. Aos auxiliares do presidente Jair Bolsonaro, Salles contou que se assustou com o ato de "extrema violência".
Em mensagem postada no Instagram, o ministro do Meio Ambiente classificou o episódio como "uma vergonha". "Na manhã de hoje (quarta-feira), logo após uma bela e comemorativa agenda de concessão ao setor privado do Parque Nacional do Pau Brasil, em Porto Seguro (BA), fomos cercados e atacados por membros do MST e do PCO, que agrediram as pessoas e depredaram viaturas oficiais do MMA (Ministério do Meio Ambiente)", escreveu ele.
Salles divulgou na rede social um vídeo e algumas fotos, que mostram o vidro dianteiro trincado e uma bandeira do PCO estendida sobre o capô do veículo. Na gravação, postada no Instagram, manifestantes batem no carro em que Salles estava. Um deles exibe adesivo com a inscrição "Fora Bolsonaro. E todos os golpistas" colado no peito. "Golpista. Tira foto, desgraçado! Tira foto", gritam os manifestantes. Durante o protesto, uma mulher aparece andando com um facão.
O site Causa Operária, ligado ao Partido da Causa Operária (PCO), também divulgou, nesta quarta-feira, vídeo no qual um carro do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) tenta passar por um grupo de manifestantes que se encontrava no local. Um homem sobe no capô do veículo e outro manifestante pula na carroceria.
"Relatos denunciam que, ao chegar lá, o carro da comitiva se colocou contra os manifestantes", diz o site. "Os sem terra reagiram pulando em cima do carro do ICMBio." De acordo com a nota, cerca de 200 pessoas do MST, PCO, integrantes do movimento indígena e sindicatos foram protestar contra Salles na "cerimônia de privatização" do Parque Nacional do Pau Brasil. 


Fonte: MSN/ESTADÃO

SERVIDOR DA CASA CIVIL DO GOVERNO DO PARÁ É PRESO PELA POLÍCIA FEDERAL


Jardel Rodrigues da Silva, foi preso pela Polícia Federal nesta quarta-feira, 27. Ele e mais cinco pessoas são investigados pela Polícia Federal, Controladoria Geral da União (CGU) e Ministério Público Estadual (MPPA) de integrar uma quadrilha que desviou R$ 23,5 milhões da Fundação de Apoio à Pesquisa, Extensão e Ensino em Ciências Agrárias (Funpea) da Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra).
Além do membro do atual governo estadual, a justiça federal expediu mandados de prisão contra os servidores da Ufra e da Funpea: Ildenir do Carmo Vaz Vasques Silva, Carlos Albino de Figueiredo de Magalhães, Benedito Gomes dos Santos Filho, Wilson José de Melo e Silva, Jandira Pires Bessa e Joely Patrícia Machado de Oliveira.
Também foram expedidos pela 4ª Vara Federal de Belém, outros onze mandados de busca e apreensão de documentos na fundação e na residência dos acusados. Eles foram presos temporariamente e terão que prestar depoimentos à PF sobre o suposto esquema de corrupção.
O esquema de corrupção na Funpea, se refere ao período em que Jardel comandou a superintendência da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), nomeado por Helder Barbalho, qando era ministro da Integração Nacional, durante o governo Michel Temer.
O esquema, de acordo com o delegado da PF que comandou a operação, Bruno Benassuly, foi detectado a partir de diversas irregularidades em contratos celebrados com a Ufra, envolvendo servidores e ex servidores da universidade.

O delegado explica que são condutas criminosas, direcionamento de licitações, prestação de contas com documentação inidônea, pagamentos a funcionários da Ufra sem a devida comprovação de despesas, entre outras irregularidades.
Quadrilha desviou recursos de projetos de saneamento, agricultura familiar e piscicultura 
O chefe da CGU no Pará, Fábio Braga, explica que o órgão detectou movimentações irregulares há um ano e meio e fez recomendação à atual direção da Ufra para adotar um controle interno. A partir daí , a direção editou uma resolução, exigindo uma série de documentos obrigatórios. Portanto, explica, Fábio Braga, a própria Ufra detectou extrato bancário com indício de falsificação e denunciou à CGU, PF e MP.
Os recursos foram desviados de repasses da Fundação Nacional de Saúde (Funasa) e Superintendência de Desevolvimento da Amazônia (Sudam) e Minsitério da Integração Regional para elaboração e implantação de projetos de fomento de avicultura, piscicultura, agricultura e para obras de saneamento básico em diversos municípios do Pará.
Braga afirma que nenhum dos 16 projetos que deveriam ser elaborados, foi concluído. Eles detectaram que houve direcionamentos de licitações para empresas de sócios dos membros da própria fundação, que eles faziam saques de quantias grandes nas bocas dos caixas bancários, em lugar de repasse para contas bancárias, dificultando a rastreabilidade do recursos, entre outros atos de corrupção.
O promotor de Fiscalização do Terceiro Setor, Sávio Brabo, explica que o MP vinha acompanhado as contas e percebendo que havia irregularidades. Ele explica, que a fiscalização de pessoa jurídica do terceiro setor, como as fundações, que recebem recursos públicos é de competência exclusiva do MPE, independente da origem dos recursos.
Segundo o promotor, desde 2014 Funpea apresenta problema na prestação de contas, por isso, o MPE ajuizou ação para que a fundação apresentasse documentos para comprovar como estava gastando o dinheiro público que recebia. O MP em parceria com a CGU checou os extratos bancários e confirmou que foram montados, conforme os bancos comprovaram, constatando o desvio de finalidade da entidade.

Fonte Impacto 

JOVENS DE URUARÁ LANÇAM PROJETO "CÃO SEM FOME".


Um Projeto de iniciativa de 3  Jovens Uruaraenses Felipe Mecca, Isaías Costa , Rubert Alan vem se destacando pela cidade de Uruará, diante do Projeto Cão Sem Fome.
O projeto tem como objetivo de modo a conscientizar a população para a guarda responsável e incentivar a alimentação e adoção de cães abandonados. 
O abandono de cães tem aumentado muito nos últimos anos e muitos animais ficam transitando pelas ruas de Uruará, tornando-se um grande desafio à saúde pública e ao bem-estar dos animais, por causar agressões, poluição ambiental, transmissão de doenças, entre outros.
O projeto pretende alimentar cães em situação de abandono, onde a ideia consiste em instalar "comedouros" em áreas públicas da cidade com maior concentração de animais de rua. 
O lema e (Não importa que sejam poucas as suas posses e o seu dinheiro. Ter um cão torna-o rico).

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2019

PROVAS DO ENEM 2019 SERÃO APLICADAS NOS DIAS 3 E 10 DE NOVEMBRO

Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira também divulga data de inscrição

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) divulgou, na tarde desta quarta-feira (27), as datas da edição de 2019 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). As provas serão aplicadas nos dias 3 e 10 de novembro.
As inscrições para o Enem deverão ser feitas entre os dias 6 e 17 de maio, pela internet. Poderão se inscrever estudantes que concluíram ou que estão cursando o ensino médio.
Os pedidos de isenção da taxa de inscrição poderão ser realizados entre os dias 1 e 10 de abril. No mesmo período, os estudantes que conseguiram o benefício no Enem 2018 e não compareceram às provas precisarão justificar ausência para não pagar a inscrição no exame deste ano.
O edital do exame será divulgado em março. 

Fonte:Portal ORM

SESPA EMITE ALERTA SOBRE RISCO DE SARAMPO NO PARÁ

um casa de sobrinhos lá em casa hoje

O Ministério da Saúde informou a todas as secretarias estaduais de Saúde do Brasil a notificação de 23 casos suspeitos de sarampo, dos quais 13 confirmados em tripulantes, oriundos de diversos países (Índia, Itália, Ucrânia, África do Sul e Brasil), do navio de cruzeiro Seaview MSC. Segundo o Ministério da Saúde, cerca de 10 mil passageiros, incluindo 312 paraenses de 23 municípios, que desembarcaram em Santos, litoral do Estado de São Paulo, no dia 16 de fevereiro, podem ter sido expostos ao vírus do sarampo e correm risco de desenvolver a doença.
Diante do comunicado, a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), por meio do Centro de Informações Estratégicas e Resposta em Vigilância em Saúde (Cievs-PA), emitiu um alerta aos municípios envolvidos para o acompanhamento dos passageiros, em função da alta transmissibilidade da doença. A recomendação é que todos procurem imediatamente uma unidade de saúde se sentirem os sintomas da doença, e também informem que estiveram no navio. Os sintomas do sarampo são febre alta, dor de cabeça, manchas vermelhas no corpo, coriza e conjuntivite.
A Sespa solicita aos que não apresentarem sintomas que também se dirijam à Secretaria de Saúde de seu município, levando o cartão de vacinação para comprovação da imunização com a vacina tríplice viral, que previne sarampo, rubéola e caxumba. A vacina está disponível nos postos de saúde, e é recomendada uma dose aos 12 meses de idade e outra aos 15 meses, e ainda para pessoas de 10 a 49 anos, sendo essa a única maneira de prevenção da doença.
Os municípios são: Abaetetuba, Alenquer, Altamira,  Anajás,  Ananindeua, Belém, Bragança, Breves, Capitão Poço, Castanhal, Concórdia do Pará, Jacundá, Marabá, Marituba, Novo Repartimento, Pacajá, Parauapebas, Redenção, Santa Izabel do Pará, Santarém, Sapucaia, Tailândia e Tucuruí.

Fonte: DOL

“OPERAÇÃO DIONÍSIO” PRENDE ARMAS E CINCO PESSOAS ACUSADOS DE CRIMES EM ALTAMIRA/PA


A operação realizada nesta quarta-feira (27) teve início por volta das 06h00min, e foi realizada pela Superintendência Regional do Xingu e unidades vinculadas, 22ª Seccional Urbana, Delegacia de Homicídio, Delegacia da Mulher, com apoio da Delegacia de Conflitos Agrário e NAI/XINGU, que deflagrou em Altamira-PA a “OPERAÇÃO DIONÍSIO”, com objetivo de combater tráficos de drogas e demais crimes. A operação foi realizada simultaneamente realizada em todo o interior do estado, seguindo a orientação da Delegacia Geral e da Diretoria de Polícia do Interior.
Na cidade de Altamira-PA foram cumpridos 11 (onze) mandados de busca e apreensão domiciliar deferidos pela justiça, após levantamentos e representações ao judiciário local, em diversos pontos da cidade onde, de acordo com levantamentos, funcionavam como “bocas de fumo”.
Na operação e com mandados de prisão os policiais conseguiram efetuar de 05 (cinco) prisões, pelos crimes de tráfico de drogas, posse irregular de munições, posse irregular de arma de fogo, posse de drogas para consumo, receptação e adulteração de sinal identificador de veículo.
Foram presos no decorrer da operação as seguintes pessoas: EFSON NASCIMENTO GODELHO, HIAGO MELO DOS SANTOS, ADEVALDO RODRIGUES DA SILVA, EDJANIA RODRIGUES DA SILVA, E DEBORA QUEIROZ DA SILVA.
Destaca-se que EFSON NASCIMENTO GODELHO, vulgo “BOY” está sendo investigado pelo cometimento do crime de homicídio e segundo as investigações seria integrante do “Comando Vermelho”, sendo que a arma encontrada com o mesmo será encaminhada a perícia de comparação balística, pois há fortes indícios que foi utilizada em homicídios investigados pela Delegacia de Homicídio de Altamira.
Na operação também foram apreendidos nos endereços o total de 63 (sessenta e três munições) intactas de calibre 38 e calibre.32, 30 (trinta) gramas de substância entorpecente (maconha); aproximadamente 01 (uma) gramas de substância entorpecente (Crack); 01 (uma) arma de fogo calibre .38; 01 (uma) arma de fogo calibre .32; 01 (um) veículo FIAT/PALIO, com sinal identificador adulterado, além de diversos aparelhos de celulares que serão periciados.
A operação contou com 21 (vinte e um) policias civis da Regional do Xingu e foram utilizadas 05 (cinco) viaturas.

Com informações da PC/Altamira

ALTAMIRA: MORADORES DA ÁREA DA LAGOA COBRAM REALOCAÇÃO À EMPRESA NORTE ENERGIA


Um grupo de 60 moradores ocupou a frente do prédio da empresa no RUC Jatobá, exigindo celeridade na remoção das famílias. O acordo formado no final de 2018 entre a empresa e a prefeitura previa que as cerca de 500 famílias que vivem no centro das palafitas fossem removidas até o final de dezembro.
Passado esse período, muitos moradores afirmam que os cadastros foram feitos, mas o número de realocaçoes está longe de cumprir com o acordo.

Fonte:Xingu230

ASSOCIAÇÃO DOS ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS E TÉCNICOS DE BRASIL NOVO CONVOCA PARA ELEIÇÃO PARA DIRETORIA


A Comissão Provisória de fundação da AESUT/BRASIL NOVO - Associação dos Estudantes Universitários e Técnicos de Brasil Novo, torna público o Edital de Convocação para formação de chapa de eleição da diretoria para fundação: Biênio 2019/2021.
A Comissão Provisória de fundação da AESUT/BRASIL NOVO - Associação dos Estudantes Universitários e Técnicos de Brasil Novo, torna público o Edital de Convocação para formação de chapa de eleição da diretoria para fundação: Biênio 2019/2021.
Os estudantes universitários e técnicos que ainda não se inscreveram devem Procurar a comissão provisória da Associação para se inscreverem e ter direito a voto e ser votado. Aqueles que queiram formar chapa de eleição devem procurar a Comissão Eleitoral indicada no presente editalque está disponível no mural da prefeitura, semed, fórum, EMEF Brasil Novo.
O objetivo da AESUT é organizar os universitários de Brasil Novo para discutir sobre ações voltadas à educação superior, direitos e deveres do cidadão, fazer parceria com instituições públicas e privadas para discutir sobre a formação superior, desenvolver atividades de esportes e culturais com os alunos e sociedade. Fazer atividades educacionais com a rede Municipal, e estadual de ensino e redes particulares, desenvolver produções científicas, desenvolver atividades ambientais. Buscar formas de garantir a educação superior aos munícipes Brasilnovenses. E desenvolver as demais atividades sociais designadas pelo estatuto da Associação, buscando contribuir com a formação cidadã das pessoas.
Apesar desta organização já existir informal, pelos universitários noturnos, os universitários que estudam durante o dia podem associar - se desde que sejam moradores de Brasil Novo.
A Eleição ocorrerá pelo voto direto no dia 23 de Março de 2019 na sala de vídeos da E.M.E.F Brasil Novo, a partir da 18:00 horas.

Por: Cícero Vieira

ESTRADA DA VICINAL 20, O QUE DIZ A GESTÃO SOBRE O CASO?

Os alunos e agricultores da vicinal 20 tem sofrido com as dificuldades na trafegabilidade da estrada vicinal, o que se tornou mais grave nos últimos dias devido a uma ponte que desabou com as fortes chuvas que ocorreram na localidade.
Nas redes sociais (FacebooK), moradores recamam da situação das estradas e cobram ações do poder executivo municipal.

Vejam no vídeo:


Procuramos a gestão e fomos informados de que a madeira para a construção da ponte está sendo serrada na vicinal 21 para que a ponte seja reconstruída - “O problema é que ninguém deu madeira para fazer a ponte deles lá, aí estou serrando tirando madeira lá na 21, pra trazer para fazer a ponte da vinte. Ninguém deu madeira pra fazer, estão lá sem rodar, mas ninguém deu a madeira. Aí nos ganhamos uma madeira lá na 21 e o pessoal está lá serrando desde ontem… O seu Béa Esperoto deu os paus de baixo, só que ele não tinha madeira nas terras dele que dava para serrar palra fazer as pranchas e estamos tirando as pranchas lá na 21 para trazer para poder fazer. Se tivesse por ali já estava pronto e se chover não saicom a madeira de lá também e está desse jeito aí a situação”. - informou o Secretário de Finanças Giovane Lunelli.
Justificando a demora, Giovane informou também que no mesmo período também foram danificadas pontes nas vicinais 21, 23 e 19 e que as equipes estão trabalhando para resolver os problemas da trafegabilidade nestas vicinais.

Por: Valdemídio Silva

SARGENTO DO EXÉRCITO SOFRE TENTATIVA DE HOMICÍDIO EM MARABÁ NO SUDESTE DO PARÁ

De acordo com a polícia, o autor dos disparos se aproximou do carro do sargento e atirou pelo menos seis vezes.

O sargento foi atacado quando saía de casa —
Foto: Reprodução/TV Liberal

Um sargento do exército da reserva, sofreu uma tentativa de homicídio nesta terça-feira (26), no município de Marabá, no sudeste do Pará. O ataque aconteceu quando o militar saída da sua residência por volta das 9h da manhã.
De acordo com a polícia, o autor dos disparos se aproximou do carro do sargento e atirou pelo menos seis vezes. A vítima que foi atingida na mão, no braço e no rosto foi socorrido no próprio carro e levada para o hospital do exército. O estado do sargento é estável.

Fonte: G1/PA

RURÓPOLIS: GARIMPEIRO É PRESO NO PA SUSPEITO DE MATAR HOMEM NA ROD. TRANSAMAZÔNICA


O suspeito negou a autoria do crime, mas apontou o local onde estava a faca utilizada no assassinato.

Policiais civis e militares prenderam em flagrante o maranhense Wanderley Costa Mendonça, 37 anos, indiciado por crime de homicídio, em Rurópolis, sudoeste paraense. Garimpeiro de profissão e sem residência fixa na região, ele foi apontado como autor da morte de um homem sem nome identificado até o momento, de cor negra, compleição magra e que trajava apenas short. O crime ocorreu no último dia 20, no interior de um galpão abandonado, situado na rodovia BR 230.
O acusado teria usado uma faca tipo peixeira no crime. Durante a prisão, a arma foi apreendida pelos policiais. Duas testemunhas foram ouvidas no mesmo dia em que o suspeito foi preso.
Durante o interrogatório, Wanderley negou a autoria do crime, porém, acompanhou os policiais civis e militares nas diligências e apontou onde estaria a faca utilizada no homicídio. O objeto foi apreendido e apresentado ao delegado Ariosnaldo Vital Filho para providências.
Segundo ele, a vítima seria um andarilho que era visto pelas ruas da cidade. O suspeito foi autuado em flagrante delito por crime de homicídio qualificado por motivo fútil e está preso à disposição da Justiça.

Fonte: PC/PA

terça-feira, 26 de fevereiro de 2019

BOLSONARO INICIA GOVERNO COM MENOR APROVAÇÃO QUE FHC, LULA E DILMA

© Sérgio Lima Jair Bolsonaro: aprovação de 39,8% no
início do mandato fica abaixo de Dilma, Lula e FHC
O presidente da República, Jair Bolsonaro, inicia seu governo com menor aprovação que os ex-presidentes Fernando Henrique (PSDB), Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e Dilma Rousseff (PT).
A gestão do capitão reformado do Exército foi avaliada como ótima ou boa por 39,8% dos consultados pela pesquisa CNT/MDA, divulgada nesta 3ª feira (26.fev.2019). A administração com a pior marca no início de mandato era a de Dilma Rousseff em 2011, que registrou 49,1% de aprovação.
Poder360 tem uma página com todos os levantamentos de governo desde a redemocratização. Acesse neste link.
© Fornecido por Poder360 Jornalismo e Comunicação S/S LTDA.
A aprovação do desempenho pessoal do atual presidente atingiu 57,5% contra 28,2% de desaprovação. Outros 14,3% não souberam opinar.
Bolsonaro foi eleito 38º presidente da República em 28 de outubro de 2018. Ele obteve 57.797.466 votos (55,13% dos válidos). Em 2º lugar, ficou Fernando Haddad (PT), com 47.040.859 votos (44,87% dos válidos). Brancos e nulos foram 9,5% dos votos totais.

REFORMA DA PREVIDÊNCIA

A CNT/MDA apontou ainda que 45,6% desaprovam a reforma das aposentadorias. Outros 43,4% aprovam. Como a margem de erro do levantamento é de 2 pontos percentuais, a situação é de empate técnico.

© Fornecido por Poder360 Jornalismo e Comunicação S/S LTDA.



Por:  Mahila Ames de Lara
Fonte: MSN/PODER360

MAIS DE 320 MILITARES VENEZUELANOS FUGIRAM PARA A COLÔMBIA


© Fernando Vergara Polícia colombiana escolta soldado
 venezuelano que se rendeu na ponte internacional
 Simon Bolivar em Cúcuta, Colômbia – 23/02/2019
Ao todo, 326 membros das Forças Armadas da Venezuela já deixaram o país e fugiram para a Colômbia em busca de ajuda humanitária, segundo informaram nesta terça-feira, 26, as autoridades migratórias colombianas.
Esses militares se somam aos sete sargentos que cruzaram a fronteira venezuelana com o estado de Roraima e pediram asilo no Brasil desde domingo 24.
A grande maioria dos 326 oficiais que fugiram para a Colômbia entrou no país pelo estado de Norte de Santander, onde fica a cidade de Cúcuta, que no último fim de semana foi palco de cenas de violência.
Muitos militares também cruzaram a fronteira pelos estados de Arauca, Guajira e, mais recentemente, por Valledupar, Cartagena, Medellín e Bogotá.
Para o diretor-geral de Migração do país, os militares não devem ser vistos como desertores, mas sim como migrantes que fogem da ditadura de Nicolás Maduro em busca de comida, tratamento médico e segurança.
“Embora algumas dessas pessoas tenham chegado ao nosso país com armas, uniformes, ou como civis e suas famílias, todas elas têm algo em comum, chegam à Colômbia com a esperança de um futuro”, disse Christian Krüger em comunicado. “Por isso, nos articulamos para poder oferecer assistência a essas pessoas que entenderam que é hora de dar lugar à liberdade na Venezuela.”
Entre os que fugiram há membros da Guarda Nacional, da Armada, da Polícia Nacional Bolivariana e das Forças Especiais (FAES).
No domingo, as autoridades colombianas haviam informado que 156 oficiais deixaram o Exército da Venezuela e pediram refúgio em seu país.
O autoproclamado presidente da Venezuela e líder da oposição, Juan Guaidó, já prometeu conceder anistia a todos os militares que se alinharem ao seu governo e não tiverem cometido nenhum crime contra a humanidade.

POLÊMICA DO HINO: PSOL ENTRA COM AÇÃO CONTRA MINISTRO E BOLSONARO

(Foto: Divulgação)

O deputado federal Edmilson Rodrigues (PSOL/PA), junto aos demais integrantes da bancada do PSOL e outros parlamentares do PT da Câmara Federal, impetrou, na tarde desta terça-feira (26), uma ação popular na Justiça Federal e também ajuizou uma representação junto à Procuradoria Geral da República (PGR), em Brasília, contra o ministro da Educação, Ricardo Veléz, e o presidente Jair Bolsonaro, por violação dos princípios da moralidade e da impessoalidade e também do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).
As medidas foram motivadas pela recomendação oficial enviada, nesta segunda-feira (25), pelo Ministério da Educação, que determinou a todas as escolas, públicas e privadas, que ponham os professores e alunos para cantar o Hino Nacional no primeiro dia de aula, bem como determinou que a ação seja filmada e enviada ao próprio MEC ou à Secretaria Nacional de Comunicação, além de ser lida mensagem do ministro contendo o slogan de campanha de Jair Bolsonaro.
"Realmente, envergonha a nação brasileira. Não há nenhum sentimento de xenofobia contra ele, que nasceu na Colômbia. Não pode um ministro da Educação rasgar a Constituição", declarou Edmilson no momento em que a representação foi protocolada. Segundo Edmilson, Veléz envergonha a educação brasileira e violenta a democracia.
"Essa tentativa de impor a todas as escolas do país, municipais, estaduais, federais, privadas ou não, desrespeita o princípio básico do Estado Brasileiro, que é a autonomia dos entes federados. Prefeito, secretário municipal de educação, governador, secretário estadual de educação e diretor de escola estadual não recebem ordem de ministro da educação. Aliás, nem os diretores de escolas federais, como Dom Pedro II, no Rio de Janeiro, e outras escolas e institutos tecnológicos serão obrigados a cumprir ordem ilegal", disse Edmilson.
As informações são da assessoria de comunicação.
Polêmica
O Ministério da Educação enviou a diversas escolas do País uma carta em que pede para que alunos, professores e funcionários sejam colocados em fila para cantar o hino nacional em frente à bandeira do Brasil. O documento também pedia que o momento fosse filmado e enviado ao novo governo.
A mensagem é assinada pelo ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, para quem a medida visa saudar "o Brasil dos novos tempos".
"Brasileiros! Vamos saudar o Brasil dos novos tempos e celebrar a educação responsável e de qualidade a ser desenvolvida na nossa escola pelos professores, em benefício de vocês, alunos, que constituem a nova geração. Brasil acima de tudo. Deus acima de todos!", afirma a mensagem.

A carta, enviada por e-mail para diretores de escolas públicas e particulares do país, gerou reação de educadores. No e-mail, Rodríguez pede que a mensagem seja lida antes da execução do hino –o que faria com que diretores citassem também o slogan de campanha de Bolsonaro.
Fonte: DOL

IDOSO ENTRA DE MACA EM BANCO NO PARÁ PARA RECEBER ATENDIMENTO


Um idoso precisou ser levado em uma ambulância e entrar de maca na agência da Caixa Econômica do município de Bragança, no nordeste paraense, na manhã desta terça-feira (26), para realizar a prova de vida e, assim, não ter a aposentadoria cancelada. Bastante debilitado, o homem foi levado até um funcionário da agência em uma maca, coberto por lençóis. 
A prova de vida é um procedimento obrigatório para que o beneficiário, seja aposentado ou pensionista, comprove que está vivo e evite que outra pessoa receba o pagamento em caso de falecimento
Nas imagens que circulam nas redes sociais, é possível ver a ambulância na porta da agência e o homem sendo retirado na maca por dois homens. Para piorar, eles têm dificuldade para subir a calçada já que um carro está estacionado na rampa de acesso para deficientes. Uma mulher mais jovem e uma idosa também descem da ambulância - com bastante de dificuldade e precisando de ajuda. No momento da ocorrência estava chovendo.
Uma testemunha afirma que familiares pediram para que algum funcionário fosse até a ambulância realizar o procedimento, mas nenhum quis “levantar de seus assentos pra vim até a ambulância”.
Nas redes sociais os internautas comentaram a situação. “Isso é revoltante, a que ponto chegamos”, “Meu Deus que absurdo, fico revoltada com tanta desumanidade, não tem como segurar as lagrimas em ver essa cena!”, “Acho que tem seres que pensam que nunca serão idosos e que nunca precisarão do auxílio dos outros. Lamentável”, entre outros.
DOL entrou em contato com a Caixa Econômica e aguarda retorno.

Fonte: DOL

"E AGORA JOSÉ?" ATOR DA GLOBO, JOSÉ DE ABREU, SE AUTODECLARA PRESIDENTE DO BRASIL

© reprodução/Twitter José de Abreu se
autoproclama presidente do Brasil

Ator da Globo, José de Abreu se autoproclamou Presidente do Brasil na noite desta segunda-feira, 25, deixando as redes sociais em alvoroço.

Já cansado com o recém-nascido governo de Jair Bolsonaro (PSL), Zé de Abreu aproveitou o embalo de sua proclamação para fazer diversos anúncios para este novo País.

"A partir de hoje, eu sou o autodeclarado Presidente do Brasil. Igual fizeram na Venezuela. Lula está nomeado chefe da casa civil, militar e religiosa do Brasil", escreveu o ator no Twitter.

Confira a série de tuítes feitos por José de Abreu:


Fonte: MSN/CATRACA LIVRE