terça-feira, 31 de outubro de 2017

LUÍS FERNANDO FALCÃO, ACUSADO DE SER O ASSASSINO DO APRESENTADOR DE TV LU BRASIL, CHEGA EM ALTAMIRA

Chegou agora a pouco em Altamira, Luís Fernando Falcão acusado de ser o assassino do apresentador de TV Lu Brasil, em setembro deste ano, ele foi preso em Tucurui na manhã da última segunda-feira (30), o processo contra ele transcorre na Seccional Urbana de Altamira e comarca judiciária, onde ele responderá pelo crime de homicídio qualificado.
Luís Fernando foi conduzido para Altamira por uma equipe da Polícia Civil da Superintendência Regional do Xingu, o delegado Germano é quem preside o caso.

Mais detalhes na edição da noite do Xingu230. 
Por: Felype Adms

INVESTIMENTOS INTERNACIONAIS GARANTIRÃO OITO QUILÔMETROS E MEIO DE ASFALTO EM BRASIL NOVO

As obras devem acontecer já no início do ano que vem
Oito quilômetros e meio de ruas e avenidas da cidade receberão obras de pavimentação financiadas pelo Novo Banco Desenvolvimento. Brasil Novo receberá investimentos no valor de cerca de 32 milhões de reais, em uma parceria entre Brasil, Rússia, China e África do Sul.
Os investidores visitaram o aterro sanitário, o viveiro de produção de mudas da Secretaria municipal de Agricultura e algumas ruas e avenidas que serão beneficiadas com os investimentos. O objetivo da visita foi conhecer de perto a realidade do município e avaliar a viabilidade e implantação do projeto.

Em sua avaliação Raisa Leão, representante do Novo Banco de Desenvolvimento no Brasil acredita que está pronto para receber os investimentos e executar o projeto

As obras devem acontecer já no início do próximo ano com pavimentação de ruas construção de pista de ciclismo, iluminação e drenagem urbana.

Matéria completa no Vídeo:
Por: Valdemídio Silva

PF DEFLAGRA OPERAÇÃO CONCISOR EM 5 CIDADES DO PARÁ

Marabá/PA – A Polícia Federal deflagrou, na manhã de hoje (31), a Operação Concisor em 5 (cinco) cidades do interior do Pará: Marabá, Parauapebas, Breu Branco, Canaã dos Carajás e Eldorado dos Carajás. Ao todo, estão sendo cumpridos 04 (quatro) Mandados de Prisão, 05 (cinco) Mandados de Busca e Apreensão e 06 (seis) Conduções coercitivas, bem como ordens judiciais de afastamento de servidores da função pública.
A Operação que contou com o apoio de informações do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (IBAMA), durante toda a investigação, tem entre os presos servidores do órgão ambiental que são suspeitos de repassar informações para madeireiras e outras pessoas fiscalizadas pela autarquia federal em troca de vantagens indevidas ou dinheiro em espécie. Os mandados de buscas estão sendo cumpridos em empresas suspeitas de pagar tais propinas. Ao todo, 60 policiais federais cumprem as ordens judiciais.
Os suspeitos irão responder por corrupção passiva, ativa e concussão e se condenados podem pegar penas de prisão de até 8 (oito) anos de reclusão, além de multa.
PS: CONCISOR significa cortar o mal, exterminar e derrubar o crime.

Ascom - PF/PA

ACUSADO DE MATAR LU BRASIL ESTAVA EM RELACIONAMENTO COM O APRESENTADOR, PORÉM LUIZ NEGOU SER AUTOR DO CRIME

Luís Fernando Falcão foi preso em cumprimento de mandado judicial de prisão temporária, necessária para o sucesso da investigação que apura a morte do ex-apresentador, e será transferido nesta terça-feira para Altamira para responder pelo crime. No momento da prisão, o acusado estava vivendo em uma casa com familiares em Tucuruí.
Segundo informações do delegado Washington Santos, que está à frente da operação, ele era namorado da vítima na época do crime e nega ter sido o autor.
Ele disse que conhecia a vítima há mais de oito anos e que, com o tempo, eles passaram a morar juntos e se relacionaram. No mês passado, ele alega que decidiu voltar para Tucuruí, onde moram familiares, mas não tinha dinheiro para a viagem. E por esse motivo pediu ajuda financeira à vítima. Mas, segundo o acusado, os dois tiveram uma discussão que resultou em luta corporal. O fato teria ocorrido alguns dias antes da vítima ser morta. E o acusado admite que decidiu ir embora da casa da vítima um dia antes do crime, mas nega ter envolvimento na morte", explica o delegado.
A vítima foi encontrada sem vida dentro de uma residência no bairro da Brasília. Lu Brasil foi encontrado em cima de uma cama, com uma rede enrolada no pescoço e outros sinais de agressão. A motivação do crime ainda está sob investigação.
Fonte: DOL
Foto: Reprodução Facebook

DELEGADO GERAL DA POLÍCIA CIVIL DO PARÁ DIZ QUE TEM PROVAS SUFICIENTES CONTRA JOSY BRITO A MÃE DO ATUAL PREFEITO DE TUCURUÍ

No final da tarde desta segunda-feira, 30, um fato novo aconteceu na conturbada Tucuruí. A mãe do prefeito Artur Brito, conhecida como Josenilde Silva Brito, a Josy, foi presa por determinação do juiz José Leonardo Frota de Vasconcelos Dias, titular da Vara Criminal daquela Comarca.
Com 53 anos de idade, a empresária Josy é acusada de envolvimento no assassinato do prefeito Jones William Galvão, ocorrido em julho deste ano, em via pública de Tucuruí. A prisão é temporária, ou seja, ficará no cárcere pelo prazo de 30 dias, mas caso seja decretada prisão preventiva, poderá ficar mais tempo.
Curiosamente, depois de depor na manhã de hoje na delegacia de Tucuruí, Artur Brito teria saído da cidade. Segundo uma fonte do Portal Correio de Carajás, ele viajou para Belém e de lá seguiria na mesma noite para Brasília, onde teria compromisso representando o município.
Quem deveria assumir o cargo de prefeito é o presidente da Câmara, Benedito Joaquim Campos Couto, que segundo um assessor dele, Dhyko Reis, saiu da cidade no sábado para passar o feriadão em uma ilha no município de Baião e estaria incomunicável.
Com isso, o cargo de prefeito caiu no colo do vice-presidente da Câmara, Roniel Nonato Pinto dos Santos, o Rony Santos (PSC), que é aliado do prefeito Artur Brito. E o primeiro ato dele no cargo foi assinar o Decreto de número 065/2017, decretando ponto facultativo no município nesta segunda, dia 30, para emendar o feriado municipal que transcorre amanhã, dia 31, em comemoração ao Dia Municipal da Consciência Evangélica.
Para um analista político de Tucuruí, essa seria uma forma de diminuir a pressão popular contra o prefeito e seus correligionários, uma vez que não haverá expediente nas repartições públicas. Esta semana, apenas quarta-feira as secretarias municipais devem ser abertas, uma vez que quinta-feira será feriado e sexta “enforcada”.
A reportagem tentou entrar em contato telefônico com Rony Santos, mas ele não atendeu as ligações.
Na noite desta segunda-feira, por volta de 19 horas, o delegado geral de Polícia Civil, Rilmar Firmino, concedeu entrevista coletiva confirmando a prisão de Josy, observando que Marlon Possebon a acusou como mandante do assassinato do prefeito Jones William.
Todavia, preferiu não entrar no mérito de que o prefeito Artur Brito ou qualquer outro membro de sua família estejam envolvidos no bárbaro crime. “Por enquanto, vamos tomar o depoimento dela e avaliar os materiais apreendidos”, finalizou.
Marlon Possebon era genro de um pecuarista conhecido em Tucuruí como Zé Davi, assassinado no dia 7 de setembro último, suspeito de ter contratado os pistoleiros que mataram o prefeito Jones William.
Marlon atuava na cidade como comerciante, mas também seria agiota e amigo do prefeito Artur. Marlon foi preso em Belém nesta segunda-feira e acabou acusando a mãe do amigo-prefeito como mandante.
Em uma mensagem no Facebook no dia 26 de julho, data do assassinato de Jones William, Josy fez a seguinte postagem, ilustrada por uma foto em que ela aparece ao lado de Jones e da esposa dele, Graciele Galvão: “Meu Deus quanta dor, caminhamos juntos, choramos juntos, sorrimos juntos, lutamos juntos, vencemos juntos, e agora você nos deixa de forma tão brusca. Sei que você está nos braços do Senhor. Mais (sic) deixou em nós um vazio imenso em nossos corações. Saudades eternas...”
O curioso é que todos eles estão vestindo uma camiseta branca em uma passeata pedindo o fim da violência em Tucuruí. Na camiseta dos três está escrito: “Eu quero a paz, e tu?” Dentro de um coração há ainda outra mensagem: “Eu amo minha cidade”.
A Reportagem não teve acesso a nenhum advogado de Josy, da família dela ou mesmo de Marlon Possebon para dar a versão deles sobre a denúncia da polícia.

Publicado por Charles Amorim (Correspondente Xingu230)

Matéria de (Ulisses Pompeu).

GOVERNO DO PARÁ ABRE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO COM 70 VAGAS

A Secretaria de Estado de Assistência Social Trabalho Emprego e Renda do Pará (SEASTER) divulgou dois editais de processos seletivos simplificados (ambos 001/2017), destinados ao preenchimento de 70 vagas de nível médio e superior, em caráter temporário, com lotação nos municípios de Belém, Santarém, Marabá e Altamira
Os certames oferecem vagas para Assistente de Assistência Social, Assistente Administrativo, Motorista, Técnico de Enfermagem, Técnico em Gestão Pública (Administração, Serviço Social e Direito), Técnico em Gestão de Assistência Social (Psicologia, Serviço Social, Pedagogia, Nutricionista, Enfermagem, Sociologia, Terapeuta Ocupacional, Fisioterapia e Engenharia Civil), Técnico em Gestão de Infraestrutura (Engenharia Civil), Técnico em Gestão de Informática, Intérprete de Libra e Jornalista. A remuneração disponível pode chegar até R$ 3.773,20, em jornadas de trabalho de 30 horas semanais.
As inscrições estão abertas nos dias 30 e 31 de outubro de 2017, exclusivamente via internet, através do site http://www.sipros.pa.gov.br/.
O processo de seleção constará de análise curricular, aplicada para todos os cargos, e entrevista somente para as funções de nível superior. A validade será de três meses, podendo ser prorrogada uma única vez, por igual período, a critério do Órgão.
Fonte: Diário Oficial do Estado do Pará, edição de 26 de outubro de 2017, a partir da página 71, acessível pelo link http://www.ioepa.com.br/portal/

Fonte: DOL

MÃE DE PREFEITO DE TUCURUÍ É PRESA POR ENVOLVIMENTO EM MORTE. VEJA O VÍDEO

Josenilde é a mãe do prefeito Arthur Brito (foto), que assumiu o
cargo após a morte de Jones William na prefeitura de Tucuruí.
O juiz José Leonardo decretou na noite desta segunda-feira (30) a prisão temporária de 30 dias de Josenilde Silva Brita, de 53 anos, suspeita de envolvimento no assassinato do prefeito Jones William, em julho deste ano.
Josenilde é a mãe do prefeito Arthur Brito, que assumiu o cargo após a morte de Jones William. Arthur foi conduzido para depor sobre o caso na manhã de hoje.
O prefeito Jones William (foto) foi executado, vítima de uma
emboscada e atentado a tiros no dia de 25 de julho
deste ano. (Foto: Divulgação)
A prisão é necessária para apurar os crimes de homicídio e associação criminosa, previstos, respectivamente, no artigo 121 e artigo 288.
Um vídeo registrou o momento da transferência de Josenilde da delegacia de Tucuruí para Belém. Nas imagens, é possível ver a grande comoção por parte de moradores, que se reuniram em frente da delegacia desde o início da noite desta segunda-feira.
RELEMBRE O CASO
O prefeito Jones William foi executado a tiros no dia 25 de julho deste ano, enquanto visitava uma obra no bairro Cristo Vive.
Dois homens em uma motocicleta fizeram uma emboscada e dispararam cinco vezes contra o prefeito, que chegou a ser encaminhado ao hospital, mas acabou morrendo.

Fonte: DOL

AUMENTO SALARIAL DOS VEREADORES DE URUARÁ CUSTARÁ CARO PARA OS NOBRES PARLAMENTARES.

CADA VEREADOR DE URUARÁ DEVERÁ DEVOLVER A QUANTIA DE R$ 31,320,00 ONDE A SOMATÓRIA DOS 13 PARLAMENTARES ULTRAPASSA Á R$ 407,000,00.
No Ultimo dia 27 o Ministério Público do Estado do Pará (MPPA), por meio do promotor de justiça de Uruará, Pedro Renan Cajado Brasil, ajuizou ação civil pública para suspender o pagamento do reajuste aprovado pela Resolução nº 002/2016, que aumentou o subsídio dos vereadores da Câmara Municipal de Uruará, os quais passaram a receber o valor de R$ 7.500,00, a partir de janeiro de 2017.

Anteriormente o subsídio era de R$ 4.890,00, havendo, portanto, um aumento de mais de 53% Diante desses motivos, o Ministério Público requereu que a Justiça conceda a liminar visando a suspensão imediata do aumento dos subsídios dos vereadores, implementado pela Resolução nº 002/2016 e que, ao final do processo, todos os atuais vereadores sejam obrigados a restituir os valores já pagos a maior desde janeiro de 2017, onde cada Vereador devera restituir 31,320.00, referente o aumento fraudulento dos salários dos nobres vereadores de Uruará, isso de Janeiro a Dezembro de 2017.
Por: Valdecir Mecca

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

TUCURUÍ: POLÍCIA PRENDE ACUSADO DE MATAR APRESENTADOR LU BRASIL

Foi preso preventivamente em Tucuruí no sudoeste do Pará, Luís Fernando Falcão Oliveira, Luiz é acusado de matar o apresentador Lu Brasil em Altamira em setembro deste ano, ele foi capturado por uma equipe da polícia civil, o pedido de prisão preventiva foi apresentado junto com o acusado na Seccional Urbana de Tucurui no final da manhã desta segunda-feira (30).
As investigações foram feitas pela Superintendência Regional de Polícia Civil do Xingu, presidindo o caso está o Delegado Germano, no último dia 26 de Outubro ele chegou a declaram para nossa equipe do Xingu230 que já teria a identificação do suspeito e algumas informações privilegiadas.

Por: Felype Adms com informações do sistema Floresta.
Fonte: Xingu230

MEDICILÂNDIA: POLÍCIA PRENDE HOMEM COM DROGAS

A população de Medicilândia no sudoeste do Pará, recebe na cidade durante as próximas semanas o Grupo tático da Polícia Militar de Altamira, eles estão na cidade para uma operação denominada "Operação Colheita Segura", no período de comercialização das amêndoas de cacau na região.
Durante a tarde desta segunda-feira, 30, por a volta das 16h30 em uma abordagem no centro da cidade, a equipe do tático abordou João Edson Silva Bezerra de 38 anos, com ele foram encontrados 5 papelotes de entorpecentes e uma quantia de R$ 207,00 em dinheiro. João Bezerra que já tem passagem pela polícia por assalto, foi apresentado na delegacia e está à disposição da justiça.
Por: Edlene Gonçalves Com informações da Polícia
Fonte:Xingu230

URGENTE! - MÃE DO PREFEITO DE TUCURU É PRESA TEMPORARIAMENTE


(VÍDEO MOSTRA MOMENTO DA TRANSFERÊNCIA DE JOSY, DA DELEGACIA DE TUCURUÍ PARA BELÉM) 
Joseneide Silva Brito de 53 anos, a Josy, mãe do atual prefeito de Tucuruí Artur Brito, foi presa preventivamente por envolvimento na morte de Jones William em Junho deste ano, segundo o delegado Geral do Pará Rilmar Firmino em coletiva à imprensa nesta segunda, disse ter provas suficientes do envolvimento de Josy no crime contra o ex-prefeito. O clima ficou tenso na cidade no início da noite de hoje (30), a população lotou a frente da delegacia de Tucuruí para acompanhar o caso, depoimentos continuam em andamento, moradores apararem no vídeo comemorando a prisão de Josy, ela está sendo encaminhado para Belém onde aguardará as investigações.
A polícia civil ainda não deu detalhes do caso, mas a prisão foi proferida preventivamente pelo juiz Doutor Leonardo Frota de Vasconcelos, da comarca de Tucuruí, em sua decisão ele acrescenta que a prisão temporária tem duração de 30 dias, decisão que pode ser prorrogada ou transformada em prisão preventiva, que duração maior.
Por: Felype Adms (com informações de Paco Martins)
Fonte:Xingu230

RAPAZ E BALEADO EM MEDICILÂNDIA E TRANSFERIDO PARA HOSPITAL REGIONAL EM ALTAMIRA

Durante a tarde do último Sábado (28), por volta das 17:30hrs, a Polícia Militar do município de Medicilândia, foi informada de uma tentativa de homicídio no Baixão do Jacaré. Segundo informações repassadas para a Guarnição da PM, que dois indivíduos chegaram em uma motocicleta Bros Preta de Capacete, trajando jaquetas armados com arma de fogo e atiraram contra a vítima identificada como Bruno Oliveira Castro (Vulgo Johny) de 23 Anos.
Bruno foi atingido com três tiros, dois no peito e um na costela. Johny ainda foi socorrido e levado ao Hospital Municipal de Medicilândia e logo após transferido para o Hospital Regional Público da Transamazônica em Altamira para os Cuidados médicos. A Delegacia de Medicilândia chegou a ser informada de que a vítima havia morrido mais a informação não é verdadeira e o rapaz se encontra internado e sob cuidados médicos.
Informações e Fotos: Facebook/Carlos Calaça

ACIDENTE COM VITIMA FATAL NA TRANSAMAZÔNICA PRÓXIMO A URUARÁ

Por volta das 23:30hrs da noite desse sábado (28), aconteceu um acidente grave na BR 230 a Transamazônica no km 140. O Acidente foi em uma ponte, conhecida como Ponte do Magu que fica ha cerca de 40 km da cidade de Uruará.
Segundo informações, dois homens que trafegava em uma motocicleta, acabaram caindo do veículo, um deles ficou gravemente ferido e o outro acabou morrendo no local.
Os dois homens que até o momento não foram identificados, foram encaminhados para o Hospital Municipal de Uruará.
O Corpo do Cidadão que veio a óbito se encontra na pedra do necrotério.
Se Alguém reconhece as Vítimas informa aos parentes!
OBS: OS ROSTOS NÃO FORAM EMBASADOS, NA TENTATIVA DE ENCONTRAR ALGUÉM QUE FAÇA O RECONHECIMENTO DOS DOIS CIDADÃOS.

Informações e Fotos: Facebook/Carlos Calaça

TRANSAMAZÔNICA: CAMINHÃO TRANSPORTANDO UM TRATOR CAPOTA APÓS CAIR EM UM ABISMO NA LADEIRA DA ONÇA EM BRASIL NOVO

O acidente aconteceu no final da tarde deste sábado (28), por volta das 18:30hrs na Rodovia Transamazônica BR 230, no município de Brasil Novo no sudoeste do Pará.
De acordo com as informações, o motorista de um caminhão acabou perdendo o controle do veículo durante a subida de uma ladeira conhecida como Ladeira da Onça na chegada da cidade de Brasil Novo no sentido Medicilândia. O caminhão carregava um trator e não conseguiu subir a ladeira do desviu criado pela empresa responsável pelas obras na Transamazônica e voltou de ré e acabou caindo em um abismo com cerca de 10 à 15 metros de altura.
O motorista ficou preso nas ferragens e foi retirado com Vida com a ajuda de populares e da Polícia Militar e logo em seguida foi encaminhado para o Hospital Municipal Maria José Biancardi em Brasil Novo.
Por sorete ele sofreu apenas ferimentos leves e foram apenas danos materiais.

Informações e Fotos: Facebook/Carlos Calaça

POLÍCIA CIVIL DEFLAGRA OPERAÇÃO TAMANDUÁ PARA COMBATER CRIMES LIGADOS A CONFLITOS AGRÁRIOS EM ANAPU E SENADOR JOSÉ PORFIRIO

A Polícia Civil, por meio da Divisão Especializada em Meio-Ambiente (DEMA), divulgou, nesta quarta-feira, 25, os resultados da operação "Tamanduá" realizada nos municípios de Anapu e Senador José Porfírio, no sudoeste do Estado. De acordo com o delegado Luiz Galrão, que coordenou a operação, o trabalho foi desenvolvido durante 11 dias e originou 7 procedimentos policiais.
A operação teve o objetivo de reprimir crimes relacionados a conflitos agrários nessas regiões. O trabalho contou com apoio de peritos criminais do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves.
Os policiais civis apuraram crimes de ameaça, danos e esbulho possessórios que resultaram em três inquéritos e quatro Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCOs) lavrados pela DEMA.
No município de Anapu, detalha o delegado, os policiais civis investigaram informações sobre a presença de homens armados que estariam fazendo ameaças a colonos da região. As vítimas são integrantes do acampamento Mata Verde e Gleba Bacajá. Já na zona rural do município de Senador José Porfírio, salienta o policial civil, foram instaurados procedimentos para apurar os crimes na fazenda Tamanduá.
"Recebemos relatos sobre incêndios de imóveis e pastos, roubo de gado e sobre funcionários que foram expulsos da fazenda e fomos analisar", relata o policial civil. As investigações sobre os crimes na região continuam

Fonte: PC/PA

TUCURUI: ADVOGADA AGRIDE E TENTA PARAR PRODUÇÃO JORNALÍSTICA DURANTE OPERAÇÃO DA POLÍCIA CIVIL

Foi durante a manhã desta segunda-feira (30), em Tucurui no sudoeste do Pará, a equipe do sistema Floresta de comunicação, afiliada do SBT, foi agredida verbal e fisicamente por uma advogada que acompanhava Josy Brito, mãe do atual prefeito da cidade Artur Brito, a equipe deve registrar boletim de ocorrência contra a profissional, que usurpou o direito à liberdade de imprensa.
Segundo informações a advogada que aparece no vídeo é procuradora do município e não queria que a mãe do prefeito fosse filmada, ou o caso reportado pela imprensa, Cláudia Rodrigues Brasil recebeu voz de prisão e foi encaminhado para a delegacia para prestar depoimento.

Saiba mais sobre a operação no link (https://www.facebook.com/Xingu230/posts/525689531098791).
Por: Felype Adms (com informações do sistema Floresta)
Fonte: Xingu230

TRÊS HOMENS SÃO PRESOS FLAGRADOS ATEANDO FOGO EM PONTE DA ZONA RURAL DO MUNICÍPIO DE PLACAS

A Polícia Militar deteve na tarde desta quinta-feira, 26, três homens suspeitos de atearem fogo numa ponte da zona rural do município de Placas, sudoeste do Pará.
Segundo informou a PM, o crime contra o patrimônio público ocorreu por volta das 14 horas na ponte sobre o Rio do Rufino, na Vicinal do km 240 Sul, a 1 km do centro urbano. Após serem reconhecidos por testemunhas como sendo os indivíduos que incendiaram a ponte, foram detidos os nacionais, Valdecir da Costa Silva, José Ribamar Sousa Moraes e Janilson Medeiros Borges. Os suspeitos foram apresentados na delegacia de polícia civil de Placas para os procedimentos conforme prevê a lei.

sábado, 28 de outubro de 2017

EM PROTESTO, PROFESSORES OCUPAM PREFEITURA DE PARAGOMINAS

Categoria paralisa as atividades há quatro dias no município e pressiona autoridades.
Em protesto, professores ocupam a prefeitura de Paragominas, no sudeste paraense. Com mais de 10 itens dentre as reivindicações, a categoria paralisa as atividades há quatro dias no município. Agora, o grupo decidiu ocupar a sede municipal para pressionar a gestão sobre o aumento de remuneração e plano de cargos e carreira.
Segundo os organizadores, cerca de 800 servidores aderiram ao ato grevista. Até o momento, não há previsão para o término da paralisação. Desde o início da greve, três reuniões entre representantes municipais e professores foi realizada, mas nenhum acordo foi feito.  

Portal ORM tenta contato com a prefeitura de Paragominas.
Fonte: Portal ORM

sexta-feira, 27 de outubro de 2017

APÓS 3 DIAS DE OCUPAÇÃO AGRICULTORES DE 4 ASSENTAMENTOS DE URUARÁ DEIXAM A SEDE DO INCRA EM ALTAMIRA

Um grupo de aproximadamente 140 agricultores que ocupava a sede do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) em Altamira, desde a manhã de segunda-feira (23), desocupou o local na manhã desta quinta-feira, 26, após acordo com o órgão. Os Manifestantes cobram a regularização fundiária no assentamento do km 155 norte, na área da nova invernada, que vem se arrastando há 12 anos. Também é cobrado a regularização fundiária no assentamento Tutuí, Santa Clara e no km 201.
Segundo informou uma das representantes do movimento, Lucimar Dias Silveira, uma equipe do INCRA acompanhará o grupo de agricultores até a área de assentamento e ficou acordado que em 15 dias uma equipe do órgão federal retornará a área para fazer o levantamento fundiário. “Nós estamos desocupando o prédio, mas caso eles (INCRA) não retornem ao nosso assentamento em 15 dias pra fazer o levantamento, como ficou acertado aqui, nós vamos ocupar o prédio de novo e com mais força”, disse a agricultora.
Ainda segundo Lucimar, caso o acordo não seja cumprido os agricultores voltarão a ocupar a sede do INCRA em 15 dias com mais força.

São cerca de 130 famílias que vivem no assentamento na área da nova invernada no km 155 norte e aguardam a regularização da terra. Estamos tentando contato com o INCRA.

SANCIONADA LEI QUE DÁ PRIORIDADE A PROFESSORES PARA RECEBER RESTITUIÇÃO DO IR

O presidente Michel Temer sancionou ontem (26) lei que coloca os professores na lista de prioridades para recebimento de restituição de Imposto de Renda. O texto inclui um parágrafo único no Artigo 16 da Lei 9.250, de 1995.
Com a norma, os professores ficam atrás apenas dos idosos na fila para recebimento da restituição, ou seja, contribuintes que tem o magistério como maior fonte de renda terão prioridade no recebimento dos recursos logo após as pessoas com mais de 60 anos.

Fonte: Agência Brasil

EMBARGO SEGUE PREJUDICANDO FAMÍLIAS DE AGRICULTORES EM URUARÁ

Há quase sete anos famílias de agricultores assentadas no Plano de Desenvolvimento Sustentável (PDS) Santa Clara, em Uruará, esperam por uma resposta do governo sobre seu futuro. Com a área embagada após uma decisão da justiça federal em Santarém, as terras não podem ser regularizadas pelo Incra, e sem essa documentação, não há como conseguir junto ao governo e aos bancos, financiamentos para a produção.
Nos últimos dois anos o clima voltou a esquentar no local, em 2015 cinco pessoas ficaram feridas após uma briga por um terreno no local, e para controlar a situação foi preciso criar uma força tarefa envolvendo a polícia militar e o Incra. Na época o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária chegou a afirmar que não havia muito o que fazer, além de esperar que a justiça analisasse o pedido de revisão do embargo.
Passado esse período, o embago segue, e as quase 500 famílias que vivem na área seguem buscando apoio para reverter a situação. Na última semana um grupo de agricultores esteve na sede do Instituto em Altamira tentando negociar um acordo, e buscando alternativas para a situação dos trabalhadores, sem resposta, eles ocuparam provisoriamente o prédio do Incra, e exigiam uma resposta positiva sobre a regularização das terras.
O que já foi decidido
Após uma reunião na sede do Incra em Altamira, na quarta-feira (25), os trabalhadores concordaram que o instituto envie no dia 30 de outubro uma equipe técnica para vistoriar a área e identificar o real número de famílias que existem no local. Outro ponto solicitado pelos agricultores, é que seja realizada uma visita à Gleba Pacoval, e feita a gestão do local, onde estariam vivendo 300 famílias sem nenhum controle ou conhecimento do instituto.
Negociação
Na manhã de quinta-feira (26) os trabalhadores aceitaram deixar o local, e seguiram para Uruará, onde um grupo de trabalho deve conversar com as famílias de agricultores do PDS Santa Clara. Além do Coordenador Regional do Incra, também compõem o grupo representantes Federação dos Trabalhadores em Agricultura – FETAGRI, e da Fundação Viver Produzir e Preservar – FVPP, que vem denunciando casos de grilagem na região, e tenta negociar junto ao governo federal uma alternativa para as famílias.
Entenda o caso
O conflito em tordo do PDS Santa Clara começou em 2006, quando 107 projetos de assentamentos foram cancelados pela justiça federal em Santarém, entre eles, o PDS Santa Clara, em Uruará. Após um pedido do MPF, e o cancelamento dos projetos de reforma agrária, a área ficou inviável para regularização. Na decisão, o MPF apontou uma série de irregularidades que teriam sido cometidas pelo Incra para acelerar o processo de criação dos assentamentos, entre eles, a assinatura de um Termo de Ajustamento de Conduta – TAC com a Secretaria de Meio Ambiente do Estado, agilizando a retirada de madeira nessas áreas.
Duas irregularidades sustentaram o parecer apresentado pelo MPF, e reforçaram a necessidade de embargo das áreas: a criação dos assentamentos sem a licença prévia ambiental expedida pelo Ibama, e a sobreposição de áreas, com demarcações irregulares, que apontavam invasões em áreas de populações tradicionais. Após a decisão do Tribunal Regional Federal da 1ª Região em Brasília, as áreas foram impedidas de serem regularizadas até que o Incra apresentasse a documentação que comprovasse a legalidade desses assentamentos.
Fonte: FVPP

EM ALTAMIRA: FAMÍLIA VIVE MADRUGADA DE TERROR COM BANDIDOS DENTRO DE CASA

Durante a madrugada da última terça-feira (24), por volta das 03:00hrs da manhã, quatro bandidos sendo três homens e uma mulher, entraram em uma residência no Bairro Alberto Soares na cidade de Altamira no Sudoeste paraense.
Os bandidos usaram uma cópia de uma chave e entraram pelo portão da frente da casa e seguiram até a porta da cozinha e entraram na residência. O dono da casa percebeu a movimentação e ao sair para verificar se deparou com dois homens no corredor e em frente ao quarto de seu filho pequeno.
O homem então começou a gritar assustando os quatro suspeitos que saíram correndo. Na casa estava o casal e seus três filhos e a suspeita é que uma empregada possa ter dado a cópia da chave e as informações ao bando de como entrar na casa.
A ex-empregada foi procurada e informou para os ex patrões que tinha perdido a chave na Transamazônica. O estranho é que a chave foi parar nas mãos de criminosos que sabiam exatamente que aquela chave era daquela residência e escolheram a portas certas para abrir.
Durante a fuga do bando, eles acabaram deixaram a chave que era a que a ex empregada tinha, um par de sandálias, uma bolsa e um rolo de fita e que o casal acredita que seriam feitos de reféns.
Um boletim de ocorrência foi feito e a família e vizinhos esperam que as autoridades toma alguma providência sobre o caso, pois
esse já é o segundo caso em que bandidos entram nas casas para assaltar. Na semana passada um caso parecido aconteceu no bairro Jardim Oriente, onde os bandidos acabaram levando joias, dinheiro, celulares e um carro de passeio e ainda trocou tiro com um policial.
Fotos e Informações: Facebook/Carlos Calaça

CHUVA FORTE NO FINAL DA TARDE DESTA QUINTA-FEIRA CAUSA ESTRAGOS EM ALTAMIRA

Os moradores de Altamira foram surpreendidos por uma chuva intensa e rápida no final da tarde desta quinta-feira (26). O vento forte causou estragos, e pelas ruas da cidade era possível ver árvores caídas, muros que não suportaram a força do vento e um rio Xingu bem diferente do habitual, agitado.
Durante o temporal, que durou cerca de quarenta minutos, árvores atingiram carros, que ficaram destruídos. Várias casas foram destelhadas.
Fonte: Vale do Xingu

OPERAÇÃO DO IBAMA NO MUNICÍPIO DE PLACAS FECHA DUAS SERRARIAS E DEIXA MAIS DE 100 FAMÍLIAS DESEMPREGADA E POPULAÇÃO EM PÂNICO

Na tarde de hoje (26), agentes do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) esteve na cidade de Placas cumprindo mais uma etapa da Operação Malha Verde.
A Operação Malha Verde está atuando nos municípios de Itaituba, Rurópolis e Placas, com cerca de 50 agentes do IBAMA e 100 Policiais, sendo Força Nacional, Táticos e Polícia Militar. Dentro das rotinas estabelecidas pela operação, cujo objetivo é fiscalizar empresas exportadoras de madeira e demais produtos florestais, no uso do sistema de controle DOF - Documento de Origem Florestal, agentes ambientais federais apreenderam madeiras e equipamentos de duas serrarias.
O procedimento adotado foi à apreensão dos motores principais das serrarias para evitar o funcionamento e apreensão das madeiras que foram encontradas no pátio, madeiras em tora e serradas. Interrogado sobre o destino das madeiras, ele informou que serão doadas para entidades devidamente legais.
A quantidade em metros não foi informada oficialmente, pois ainda estavam fazendo o levantamento, mais aproximadamente foram apreendidas nas duas serrarias cerca de 400m3 em toras e 250 metros cúbicos de madeira serrada.
A situação na cidade de Placas se agravou referente ao desemprego causado pela operação, em tempos de crise, mais de 100 famílias ficaram desempregadas.
Os trabalhadores que permaneciam em seus locais de trabalho estavam revoltados com a situação, pois não sabem o que fazer agora para manter o sustento das famílias, parcialmente todos acompanharam tudo de perto e com muita indignação.
Segundo os proprietários das serrarias o órgão fiscalizador chegou no intuito de atear fogo nos equipamentos e máquinas, chegaram até colocar madeira e carvão encima dos maquinários para poder iniciar o incêndio, porém os proprietários pediram para levar e não queimar os equipamentos.

BANPARÁ GARANTIU DISPONIBILIDADE DE LINHAS DE CRÉDITOS PARA AGRICULTORES E PRODUTORES RURAIS DURANTE REUNIÃO COM GESTÃO MUNICIPAL

Aconteceu nesta quarta-feira (25) uma reunião entre a gerência do Banco Banpará, Câmara Municipal e a Prefeitura Municipal de Brasil Novo, por meio das Secretaria de Administração e Desenvolvimento Urbano para firmar parcerias de créditos e investimentos.
Durante a reunião Foram discutidos e encaminhados parcerias de créditos como investimentos para oito municípios da região com disponibilidade de créditos consignado para funcionários das câmaras e das prefeituras. A gerência do Banco também garantiu disponibilidades de linhas de créditos para agricultores e produtores rurais

Por: Valdemídio Silva com informações da ASSCOM/PMBN

BRASIL NOVO: PREFEITURA E CÂMARA DE VEREADORES DISCUTEM PPA 2018 – 2021

A prefeitura municipal de Brasil Novo, representada pelas Secretarias de Finanças e de Educação, se reuniu na manhã desta quarta-feira (25) com a Comissão de Orçamento, Finanças e Tributos da Câmara de Vereadores de Brasil Novo para discutir o Plano Plurianual – PPA para o quadriênio 2018 – 2021.
O PPA é o principal instrumento de planejamento de estratégias políticas administrativas.
Além de ser o instrumento legal de embasamento para administração pública, norteia as escolhas das políticas públicas com base nas principais necessidades da sociedade e contribui para viabilizar os objetivos fundamentais da administração municipal. O PPA também é importante para organizar as ações de governo e norteia os serviços realizados pelas secretarias visando o desenvolvimento sustentável do município.

Por: Valdemídio Silva

ALTAMIRA: HOMEM É PRESO POR AMEAÇAR CRIANÇA COM UMA FACA

Na manhã desta quinta-feira (26), a Polícia Militar recebeu a informação de que um homem havia invadido uma residência. Chegando ao local os policiais encontraram duas facas e uma enxada com Antônio Márcio dos Santos Silva.
No momento em que ele entrou na casa que fica localizada no RUC São Joaquim havia uma criança de onze anos. A menina ficou assustada e contou a mãe que Antônio chegou a ameaçar ela com uma faca.
Antônio já tem passagem pela policia por roubo. Ele permaneceu preso na Seccional Urbana de Altamira, com o acusado foi encontrada ainda uma extensão que pertence a vítima.
Por: Athaynara Farias
Foto: Max Weil
Fonte: Xingu230

POLÍCIA CIVIL ESCLARECE INVESTIGAÇÕES DO CASO LU BRASIL

Hoje 26 de outubro faz exatamente um mês do crime que chocou a população de Altamira. Lu Brasil, como era conhecido pelos fãs foi brutalmente assassinado em sua residência. A polícia Civil informou a nossa equipe na manhã desta quinta-feira que o autor do crime já foi identificado pelas imagens de câmeras de segurança de uma residência que fica próximo ao local do crime. Porém, o autor ainda está foragido da justiça.
O Delegado Germano Lima, que está presidindo o caso, contou que ainda não pode passar mais informações para não atrapalhar nas buscas pelo acusado.
Luciano dos Santos Batista, tinha 23 anos, o corpo dele foi encontrado após os vizinhos perceberem o mau cheiro do corpo que estava há dois dias e em estado avançado de decomposição. No local do crime havia marcas de sangue por toda a casa e o corpo estava amarrado em cima de uma cama. Lu apresentava ainda uma perfuração na região do queixo.
Esta semana, Lucas Pontes, que apresentava juntamente com Lu Brasil o programa Vale Music publicou um texto pedindo mais agilidade no caso. Um mês sem o Lu Brasil, o que diz a polícia civil sobre o caso?
O apresentador Luciano, mais conhecido como Lu Brasil foi assassinado de forma brutal no último dia 26 de Setembro/2017 em Altamira no Sudoeste do Pará, as investigações estão correndo em segredo de justiça, segundo o delegado Vinicius Dias superintendente de polícia civil do Xingu, o que pode ser dito agora é que o caso está bem encaminhado e com dados importantes já elucidados, em breve resultados plausíveis serão dados a população.
Lu Brasil ficou conhecido pelo jeito extrovertido de apresentar programa de tv em Altamira. O corpo recebeu homenagens em Altamira e foi sepultado em sua cidade natal, Tucuruí.
Por: Felype Adms e Athaynara Farias

Fonte: Xingu230

quinta-feira, 26 de outubro de 2017

PLENÁRIO DA CÂMARA REJEITA DENÚNCIA CONTRA TEMER POR 251 A 233 VOTOS

Pouco mais de um mês após chegar à Câmara, os deputados rejeitaram na noite de ontem (25) o pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR) para investigar o presidente da República, Michel Temer, e os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Secretaria Geral). Foram 251 votos contrários à autorização para investigação, 233 votos favoráveis e duas abstenções. Com isso, caberá ao presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia, comunicar agora à presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Carmén Lúcia, a decisão da Casa. Foram 486 votantes e 25 ausentes.
O parecer votado hoje foi apresentado pelo deputado Bonifácio de Andrada (PSDB-MG), que recomendou a inadmissibilidade da autorização da Câmara para que STF iniciasse as investigações contra o presidente e os ministros. O parecer já tinha sido aprovado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) por 39 votos a 26, além de uma abstenção.
Disputa pelo quórum
Durante os últimos dias, a oposição, ciente que não teria os 342 votos necessários para autorizar as investigações, trabalhou intensamente para impedir que os deputados comparecessem à sessão. Isso porque o regimento interno da Casa estabelece que a votação só poderia ser iniciada com a presença mínima de dois terços dos deputados em plenário. Com isso, os oposicionistas pretendiam adiar a votação e, assim, prolongar o desgaste do governo. Os partidos de oposição chegaram a fechar acordo para que poucos deputados usassem a palavra e com isso não se alcançasse o quórum necessário para iniciar a sessão.
Reagindo à tática da oposição, a base aliada e o próprio presidente da República passaram a acionar deputados da base, mesmo os que votariam contra o governo, para marcarem presença na sessão. Os governistas estavam confiantes de que alcançariam o número mínimo de presentes e também os 172 votos necessários para impedir o início da investigação.
Início da sessão
A sessão destinada à apreciação do parecer de Andrada teve início por volta das 9h, quando falaram o relator e os advogados de defesa dos três acusados. Em seguida, menos de 20 oposicionistas fizeram o uso da palavra defendendo a rejeição do relatório e, com isso, o debate foi dominado pelos aliados do governo.
Na primeira sessão do dia da Câmara, apenas 332 deputados marcaram presença, número insuficiente para iniciar a votação. A oposição comemorou o feito no Salão Verde, estampando faixas e cartazes pedindo a saída de Temer. O líder da minoria, deputado Jose Guimarães (PT-CE), parabenizou os colegas da oposição que não registraram presença no plenário.

CORPO DE HOMEM E ENCONTRADO EM ESTADO DE DECOMPOSIÇÃO NA ZONA RURAL DE PACAJÁ

Por volta das 19:00hrs da noite desta terça-feira (24), a Polícia Militar de Pacajá foi informada de que o corpo de um homem aparentando ter 30 anos de idade havia sido encontrado na vicinal 332. O corpo estava embaixo da rede de energia do Linhão, na zona rural do município de Pacajá.
A Polícia Civil logo após ser informada do Uma Equipe se deslocou até o local e as investigações preliminares apontaram pode se tratar de uma desova de corpo (quando o crime é cometido em um local e o corpo e levado pra outro). Ninguém disse conhecer a identidade da vítima e não há qualquer registro de desaparecimento de pessoas com as características em Pacajá e também em Anapú.
Segundo informações do Delegado do Município, o IML foi Acionado para ir até o local para a remoção do corpo para exames Necroscópico e para todos os procedimentos cabíveis para apurar a Causa da morte.
O Corpo foi encontrado em estado avançado de decomposição, o que leva a crer que o corpo já estava no local há cerca de três dias.

Fotos e Informações: Facebook/Carlos Calaça