quarta-feira, 20 de março de 2019

EM BRASIL NOVO: IDEALIZADO PELA DEAM, PROJETO ROSAS DE A DISCUTE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

O DESTAQUE FOI PARA PALESTRA SOBRE VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER O COMBATE AO FEMINICÍDIO
Em um evento realizado no auditório da Prefeitura de na sexta-feira, as mulheres de Brasil Novo participaram de palestras importantes com o objetivo de alertar sobre as leis de proteção à violência doméstica e empoderá-las de informações que possam garantir que a independência feminina na busca por seus direitos.
A Delegada Tatyana Lafetá, da Delegacia Especializada em Atendimento da Mulher, que ministrou a palestra sobre a violência contra a mulher o combate ao feminicídio, destaca que os índices de violência contra a mulher na região é preocupante.
Para Antônia Melo, do movimento Xingu Vivo e que representou o coletivo de Mulheres de Altamira, é preciso que as leis de combate a violência contra a mulher saia do papel e se torne prática e que as mulheres possam se apoderar da liberdade de escolha e tenham acesso às políticas públicas.
A dona de Casa Edna Santos, residente no Bairro Vista Verde, disse que o evento serviu como um alerta para que as mulheres saiam do comodismo e não se deixem que o medo e a insegurança as cale diante da violência sofrida.
O prefeito Alexandre Lunelli falou da importância de discutir as questões da violência doméstica para que as mulheres possam se tornar multiplicadoras destas informações.
Durante o seminário, as mulheres também acompanharam palestras com a Psicóloga Taynara Mardegan, com a enfermeira Rosa Baldo e com a Maquiadora Fabiane Velozo.
Matéria Completa no vídeo
Por: Valdemídio Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário