segunda-feira, 4 de março de 2019

COM TIRO POR UMA BRECHA NA PAREDE, UM HOMEM FOI ASSASSINADO EM URUARÁ

O homem foi assassinado na frente da esposa e filhos 

O primeiro crime d e homicídio registrado no município de Uruará no ano de 2019 ocorreu na noite deste domingo, 03 de março, no km 138 da rodovia Transamazônica, a 42 km do centro urbano sentido cidade de Medicilândia. Por volta das 20 horas a vítima identificada pelo nome de Manoel Alves Sousa, conhecido como Bira, 33 anos, foi alvejada com um tiro no peito, provavelmente de espingarda.
A equipe de plantão da Polícia Civil (EPC Ivan, IPC Aline, IPC Eládio e DPC Gabriel) esteve no local fazendo o levantamento das primeiras informações.
Segundo relatos da esposa da vítima, o marido estava conversando com ela num momento de brincadeira entre o casal e quando o mesmo foi até a geladeira para pegar água acabou sendo surpreendido pelo disparo de arma de fogo que atingiu o peito. A casa estava fechada, mas uma brecha da parede ao lado da janela foi usada pelo assassino para alvejar a vítima.
Ainda segundo contou a esposa, quando ela abriu a porta para pedir socorro houve um segundo tiro sem atingir alguém. A mesma pediu ajuda a um vizinho que chamou a ambulância e acionou a polícia. O homem morreu pouco tempo depois de ser atingido.
O corpo foi removido para o necrotério do Hospital Municipal na cidade de Uruará ainda na noite de domingo e está sendo velado na Igreja Adventista do Bairro Vila Brasil. O sepultamento acontecerá as 17h desta segunda-feira, 04 de março.
Manoel trabalhava com venda de roupa na região e fazia cobranças de dívidas. O mesmo deixa esposa grávida de 5 meses e dois filhos de 4 anos e 7 anos.
A motivação e autoria do crime ainda são desconhecidas. 
Um inquérito policial foi instaurado para investigar o caso.


Nenhum comentário:

Postar um comentário